”Entre aspas” do dia :

 

“Quando sinto o impulso, escrevo sem pensar tudo que meu inconsciente me grita.
Penso depois: não só para corrigir, como para justificar o que escrevi.
É preciso escrever a nossa própria história… deixar de viver o sonho dos outros.
Queremos cumprir nossa missão que é fazer algo de verdade que venha do coração.
Nós temos a coragem d’Os Afrosambas de Vinicius de Moraes e Baden Powell… a visão de Tom Jobim.
Nós queremos modernizar o passado como Chico Science falou.
Nós declaramos que não somos só um número e queremos escrever o nosso nome.
Não há beleza senão na luta, não há paz sem voz.
Nós queremos o direito que é a garantia do exercício da possibilidade.
A possibilidade de fazer e de participar. Nosso tempo é hoje!
A hora é agora! Então vamos fazer barulho…”

 

MARCELO D2

Anúncios